COMO ESCOLHER UM CURSO DE FORMAÇÃO COMPLEMENTAR

05/09/2019 11:32

 

Escolher um curso de formação complementar requer uma reflexão sobre quais, na verdade, são seus objetivos de evolução pessoal e profissional.

De um modo geral, as pessoas buscam soluções imediatistas, para problemas que surgiram recentemente e que causaram certo desconforto pelo fato de terem sido surpreendidas por uma situação inusitada, um fato novo ou mesmo uma comparação com o posicionamento de uma outra pessoa, diante da mesma situação.

Assim, movida por este desconforto, a pessoa tenta buscar uma forma de compensar este desequilíbrio através da busca de novos conhecimentos, com a expectativa de que, melhor preparados, irão superar suas deficiências em enfrentamentos similares no futuro.

E isto é absolutamente correto.

Estas situações ocorrem de forma espontânea em nossa vida, tanto no lado pessoal quanto profissional.

O fato é que nossa exposição a novas e inusitadas situações ocorre de forma progressiva, na medida em que evoluímos na vida pessoal e profissional e, nesse sentido, é muito importante nos preparamos para nos sairmos bem nestes momentos.

Os Cursos de Formação Complementar, como o próprio nome o diz, veem complementar estas insuficiências ou mesmo faltas de conhecimentos, vivências e experiências em novas situações.

A formação complementar não se propõe a solucionar problemas de timidez, de acanhamento, de inibição, fatores estes mais ligados ao perfil psicológico do indivíduo, mas sim utilizar a transferência de conhecimentos e experiências como agentes de estabilização do estado emocional do indivíduo diante de novas situações que, se supõe, ele irá enfrentar, transferindo-lhe a segurança, confiança, autoestima e desenvoltura necessárias ao bom desempenho de sua conduta.

Uma vez identificada estas inseguranças, inexperiências e desconfortos, procure por cursos que se propõem a transferir estes novos ensinamentos e conhecimentos que integrados à sua cultura e experiência vão ajudá-lo, de forma efetiva, a superar com sucesso as novas e inusitadas situações.

Como exemplos:

Um curso de oratória irá ajudá-lo a falar bem em público, a conduzir de forma segura e firme uma reunião de trabalho, uma exposição de um projeto e até mesmo uma entrevista para um novo emprego.

Um curso de marketing de relacionamento pessoal irá ajudá-lo a se relacionar melhor com seus amigos, com seus colegas de trabalho, com seu chefe e subordinados, ajudando-o a identificar os perfis das pessoas e qual a melhor forma de se relacionar com eles.

Um curso de gestão estratégica de talentos, irá ajudá-lo a compor melhor a sua equipe de trabalho e a administrar seus talentos na busca e consecução de objetivos.

Moral da História:

Complemente sua formação e enfrente os novos desafios com autoestima e segurança.

 

Professor Walther Dorighelo